terça-feira, 31 de julho de 2012

Suite de Michel Teló projetada pela Arquiteta Simone Goltcher

Quem visitou a Casa Cor São Paulo 2012 pode conferir a suite projetada com inspiração no cantor de sertanejo universitário Michel Teló. Quem viu pode observar a decoração contemporânea com ar descontraído e jovem. Tudo indica que é a "cara" do cantor.






Veja a entrevista da Arquiteta Simone Goltcher e de Michel Teló para Revista Caras:





Fonte: Imagens de Cibele Brito e Video de Revista Caras

segunda-feira, 30 de julho de 2012

Poluentes de ambientes internos - você sabe quantos poluentes são gerados dentro da sua casa?

Plante essa idéia no seu mundo: Filtro de ar natural







Na década de 1970, iniciou-se um projeto de pesquisa entre a Nasa(Agência Espacial Americana) e a Alca (Associação dos Empreiteiros de Paisagismo dos Estados Unidos), cujo objetivo era o de identificar as plantas que, através de suas características, ajudariam a despoluir os ambientes internos e fechados.
Já é sabido que a má qualidade do ar causa, frequentemente, problemas de desconforto e de saúde nas pessoas. Quando um percentual significativo de ocupantes de um determinado espaço apresenta sintomas persistentes (alergia, dor de cabeça, dor de garganta, irritação dos olhos e das mucosas, problemas respiratórios, tonturas, náuseas e fadiga), não atribuíveis a fatores pessoais de sensibilidade ou doença, e que desaparecem pouco tempo depois da saída de uma casa ou de um prédio, fica evidente que tais sintomas estão relacionados com a “Síndrome do Prédio ou da Casa Doente”.
Assim, lugares confinados, com pouca ou nenhuma renovação do ar, tornam-se rapidamente desagradáveis e até irrespiráveis, pela acumulação dos poluentes gerados internamente.
Tipos de agentes:
Agentes biológicos: bactérias, vírus, fungos, mofo, protozoários, algas, odores corporais.
Agentes químicos: monóxido de carbono, bióxido de carbono, bióxido de nitrogênio, ozônio, formaldeído, solventes, fumaça de tabaco e diversos outros compostos químicos voláteis.
Agentes inertes respiráveis: microfibras de amianto, de lã de vidro, fibras naturais, diversas poeiras.

domingo, 29 de julho de 2012

Luminária pendente com cúpula feita em crochê


Quem não tem um crochê feito pela Vovó? Aqui em casa não tenho, mas minha mãe tem muitos guardados. Guardados? hoje em dia não utilizamos muito, acredito que seja pelo fato de não combinar com a decoração praticada, algumas vezes ainda vejo como complementos de pano de prato e toalhas, que fica lindo e um trabalho rico, ou na decoração como caminhos de mesa.



Mas aqueles redondinhos e quadradinhos quem ficavam sob objetos? esses são o alvo de hoje.



Bem simples fazer uma luminária como essa, veja os 10 passos:

1 - Escolha as peças em crochê;
2 - Separe uma bola plástica infantil ou bolão de festas (bexiga), pela resistência, recomendo a bola, pois a bexiga pode estourar a qualquer momento antes de finalizar o trabalho;
3 - Planeje como será a disposição das peças de crochê e posicione o local que passaráo fio do bocal;
4 - Umedeça as peças de crochê na mistura de água e cola branca, se baseando na proporção de duas medidas de cola para uma de água;
5 - Posicione as peças de crochê sobre a bola;
6- Recomendo fazer mais 2 aplicações de 4hrs em 4hrs;
7 - Espere secar, aproximadamente 24hrs ou quanto tempo entender como necessário;
8 - Se certificar que a cúpula de crochê está firme e esvaziar bola;
9 - Posicionar bocal dentro da cúpula e passar fio;
10 - Fixe no teto.




Outras ideias feitas com este mesmo sistema:








Se você curte o Blog, vote!



O "Blog Bem Arranjado" está participando do prêmio Topblog Brasil.
Vote aqui: http://www.topblog.com.br/2012/index.php?pg=busca&c_b=31170305

Foto: Se você curte, vote!

O "Blog Bem Arranjado" está participando do prêmio Topblog Brasil. 
Vote aqui: http://www.topblog.com.br/2012/index.php?pg=busca&c_b=31170305

quinta-feira, 19 de julho de 2012

Design simples e de baixo custo - foi aplicado no projeto deste escritório uma decoração que cabe no orçamento de quem está começando

Para quem está começando sua carrera profissional e não está disposto a pagar muito para ter um escritório charmoso, pode optar por escolher materiais e sistemas construtivos que reduzem o custo e funcionam. Este exemplo de hoje, mostra um projeto dos Designers do escritório Arquiteto e Arquitetura.



A grande abertura na parede frente as estações de trabalho permite a entrada da iluminação natural, que traz economia de energia ao escritório.



Papel de parede, cimento queimado e madeira compensada fazem parte dos materiais escolhidos para revestir paredes e criar divisórias. Piso de cimento queimado e as instalações aparentes fazem parte do conceito de baixo custo e não deixa o estilo de lado.

 

 
Luminárias pendentes, iluminação indireta podem compor um clima mais quente e valorizar os poucos elementos da decoração.


Outras recomendações:

- optar por ventilação natural;

- faça uma reforma e reaproveite móveis antigos e usados, pois pode deixar seu escritório com um estilo retrô e contemporâneo, está em alta;

- utilize tecidos no lugar de papel de parede, são mais baratos e acessíveis;

- luminárias pendentes valorizam o ambiente, para não gastar muito, compre luminárias japonesas em papel, são super baratas e bonitas. Sobre estações de trabalho deixe a luz natural entrar através de cortinas claras;

- faça tapetes de piso cerâmico sobre o cimento queimado, além de utilizar tozetos e faixas para decorar alguns pontos. Fica bonito e não gasta muito com piso para toda área;


- faça artes e revestimentos com MDF e aplique uma pintura ou tecidos.






Se você curte o Blog, vote!

O "Blog Bem Arranjado" está participando do prêmio Topblog Brasil.
Vote aqui: http://www.topblog.com.br/2012/index.php?pg=busca&c_b=31170305
Foto: Se você curte, vote!

O "Blog Bem Arranjado" está participando do prêmio Topblog Brasil. 
Vote aqui: http://www.topblog.com.br/2012/index.php?pg=busca&c_b=31170305

Sustentabilidade - Que tal reutilizar lâmpadas queimadas como recipientes para plantar?

Já que nesta semana estamos muito envolvidos com o meio ambiente, hoje compartilho uma idéia sustentável coletada na internet. Trata-se do reuso de materiais que iriam parar no lixo, isto é, aproveitamento de lâmpada incandescente queimada, é um exemplo de transformação que possibilita sua reutilização para outros fins, como plantar plantinhas!



Pode ser utilizado dois métodos: 

1 - para sementes é possível utilizar terra;
2 - para plantas desenvolvidas com raízes, utilize água. 

Importante escolher a espécie que se adequa ao ambiente quanto sua luminosidade e a água ou terra.

Nestes exemplos, mostro o plantio em terra e água:



Para utilizar água, apenas tenha o cuidado de escolher plantas que se enraizem dentro d´água, como a Dracena Marginata e Sanderiana, Mini-Espada de São Jorge, Bambu da Sorte, Comigo-ninguém-pode, entre outras.

Espada de São Jorge - Comigo-ninguém-pode



Se você curte o Blog, vote!

O "Blog Bem Arranjado" está participando do prêmio Topblog Brasil.
Vote aqui: http://www.topblog.com.br/2012/index.php?pg=busca&c_b=31170305
Foto: Se você curte, vote!

O "Blog Bem Arranjado" está participando do prêmio Topblog Brasil. 
Vote aqui: http://www.topblog.com.br/2012/index.php?pg=busca&c_b=31170305
  
 ___________________________________________________________________________________________




terça-feira, 17 de julho de 2012

Faça coleta seletiva de lixo e escolha a lixeira que mais se encaixa a sua rotina

Lixo deve ser descartado corretamente, pois ele pode ser reciclado e reutilizado. O lixo orgânico deve ser direcionado diretamente para os aterros sanitários e lixões, por isso é importante que, no mínimo, seja feita a triagem entre os resíduos úmidos e recicláveis.


Dá para ter estilo até na hora de escolher sua lixeira, ela não precisa ser um elefante rosa na sua cozinha ou área de serviço. 

Lixeiras de aço inóx são duráveis e neutras, combinam com qualquer estilo.





 As lixeiras sobre grades metálicas e com suportes suspensos são higiênicas, podem ser ajustadas na altura do usuário e facilitam a limpeza sob sua base.





 A lixeira com tampa "Basculante" é ideal para locais públicos por ser mais higiênico. Este modelo também foi adaptado para coleta seletiva, você pode colar adesivos identificando o tipo de resíduo de cada lixeira.




Pode-se optar por módulos encaixados e empilhados, alguns tipos ocupam menos espaço na sua área, além de deixar o ambiente mais organizado.








Há lixeiras para adoradores de um bom Design, incremente seu ambiente contemporâneo e moderno com containers de aspectos inovadores.









Para quem tem pouco espaço e baixa demanda de resíduos, pode optar por pendurar sacos de lixo na parede. Importante identificar o tipo do resíduo e comprar sacos plásticos resistentes.


Importante pensar no lixinho da praia e do parque. Uma forma de economizar sacolas e sacos plásticos é optar por lixeiras com base triangulares, são retornáveis e cravam perfeitamente na areia. Idéia fantástica! Tem também as sacolas lixeiras, ideias para levar para parques.






Também muito higiênicas, as lixeiras com pedais são uma ótima escolha. Acredito que é o tipo mais recomendado para o uso doméstico e comercial.








As lixeiras tambores foram feitas para quem tem alta demanda de resíduos,  para facilitar o transporte foram instalados rodizios (rodas).





Outra opção para quem tem alta demanda de resíduos é fazer uma tampa que transfere o lixo de um tambor para uma caçamba ou container.


 
Em condomínios, as lixeiras fixas podem receber um acabamento decorativo que deixa a o recipiente mais agradável aos olhos não para o olfato.













Se você curte o Blog, vote!

O "Blog Bem Arranjado" está participando do prêmio Topblog Brasil.
Vote aqui: http://www.topblog.com.br/2012/index.php?pg=busca&c_b=31170305

Curtiu? Compartilhe